quinta-feira, 20 de março de 2014


Sobre confiança: Deus toma conta


Publicado em / /            Comente esse post


Essa tag chamará VIRTUDES e nela vou falar algumas situações que presenciei e decidi associar com alguma virtude que temos. Ou não.


Num sábado de manhã, indo para o curso de inglês, passei na porta de uma mansão que fica no centro da cidade e me dei conta com uma cena interessante. Uma senhora com os seus 60 anos tirava seu carro da garagem e ao finalizar a saída, se benzeu fazendo o sinal da cruz sobre o peito. Parei, vi aquilo e pensei: ela confia que Deus vai a abençoar nesse dia.

Quando a gente está desesperado, sempre apelamos para a ajudinha celestial do Pai, e claro, confiamos que dará tudo certo. Eu mesmo, vivo confiando na providência divina e deixo sempre Deus comandando a minha vida. A senhorinha, apesar da boa condição financeira, se benze para que nada de mal aconteça, pois não é apenas pelo dinheiro que ela deve ter, mas é mais que isso. Confia que Deus não deixará nada de mal acontecer.

"Confiança é o ato de confiar na analise se um fato é ou não verdadeiro, devido a experiências anteriores. Se refere a dar crédito, considerar que uma expectativa sobre algo ou alguém será concretizada no futuro."

Uma virtude que tenho: confiança.
Uma virtude que devo praticar: confiança.

As vezes é fácil confiar em Deus. Mas será que é fácil confiar nas pessoas?
Eu não confio facilmente e sempre tenho meu pé atrás com elas. Aonde acabo sendo uma pessoa fria e esperta.
Os seres humanos mentem e trapaceiam. Tentam ganhar vantagem em tudo. Tenho medo deles.
Mas enfim, assim como a senhorinha da mansão eu confio que Deus vai tomar conta do meu dia e espero que Ele coloque as pessoas certas no meu caminho.
Isso sim é confiança.

Pedro, o faz o sinal da cruz mas não confia nas pessoas.



0 comentários:

Postar um comentário

Comente, mantenha esse blog vivo!