terça-feira, 29 de abril de 2014


Brincando de cabra cega


Publicado em / /            Comente esse post

Para quem não sabe, cabra cega é uma brincadeira que uma criança põe uma venda nos olhos e sai sem enxergar nada tentando pegar as outras crianças que ficam falando coisas até que ela descubra onde elas estão, apenas ouvindo o som da voz. Quando consegue encontrar alguem, tenta descobrir quem é. (Bom, pelo menos aqui em MG é assim)

Era bem legal, mas eu nunca mais quis brincar depois dessa memória. Estava eu, e meus primos Karina e Lucas brincando no passeio e chegou a minha vez de pegar. Eu fui vendado e estava tentando pegar um dos dois, que ficavam falando comigo coisas do tipo "Tô aqui!". Estava engraçado e divertido, até que eu peguei o braço da Karina que gritava:

- SOLTA PEDRO! SOLTA PEDRO!

Vendado ainda, eu fiquei feliz de ter pego ela e não a soltava. Para piorar ficava puxando o braço e falava:

- NÃAAAOO!! EU SEI QUE É VOCÊ KARINA!! AGORA VAI SER SUA VEZ!

Karina foi e gritou de novo:
- PEDRO, SOLTA!!! SOLTA O BRAÇO DA MULHER. SOLTAAA!!

Eu pensei: "O que essa menina tá falando?". Quando eu soltei o braço dela e tirei a venda, de fato não era a Karina e sim uma velhinha que estava chocada e com muita raiva de mim. Mais chocado fiquei eu, olhando para ela e sem reação.

:O

Pedi desculpa pra senhorinha e vi que as duas pestes morriam de rir lá no canto deles. Eu imaginando que tinha pego a braço da minha prima e tinha pego o braço de uma velha rabugenta. Se fiquei com raiva? Imagina!
A gente riu bastante depois e eu prometi para mim mesmo NUNCA mais brincar disso outra vez.

E assim foi. Não me lembro de brincar de cabra cega desde então.
E olha que isso foi quando eu tinha dez anos.

Enfim, é isso. Grande abraço...

Pedro, o que quase arrancou o braço da véia!



0 comentários:

Postar um comentário

Comente, mantenha esse blog vivo!