segunda-feira, 26 de maio de 2014


Sobre o AMOR


Publicado em / /            Comente esse post

Ultimamente estou muito sentimental e pouco saudosista, então vou falar da virtude que é que pra mim, a que manda em todas as outras: o amor.

a.mor
1. Afeição profunda ao outro, a ponto de estabelecer um vínculo afetivo intenso, capaz de doações próprias, até o sacrifício.
2. Dedicação extrema e carinhosa.
3. Sentimento profundo e caloroso de atração que um sexo experimenta pelo outro.
4. Apego.
5. Carinho; ternura.
6. Cuidado; zêlo.

Bom, essa é a definição de amor no dicionário. Mas de verdade, você tem amado as pessoas como se não houvesse amanhã? Renato Russo foi sábio em dizer isso, pois o amor existe no mundo para que a gente possa viver pensando no outro e a vida não ser feita de egoísmo e egocentrismo.

Você já parou para pensar se não existisse o amor nas nossas vidas? O quanto seria vago e individualista? Iríamos viver para nós mesmos e que o próximo se dane. Mas infelizmente há gente vivendo com falta de amor. Decidi ir além e aprofundar esse texto, pois será que estamos vivendo para nós mesmos e deixando de praticar o amor?

AMOR é gostar do outro a ponto de se conectar, ligar, juntar ao extremo com o sentimento e não se importar em se doar, perder e até se sacrificar.

AMOR é viver pelo outro, viver pensando no outro e se dedicar além do necessário para poder vê-lo feliz.

AMOR é aquele sentimento que faz o coração doer quando o outro está perto de você, querer que o mundo pare naquele momento e nunca terminar.

AMOR é se preocupar, querer estar junto e chorar quando se está longe. É querer sempre o outro por perto e em nossos braços.

AMOR é esbanjar carinho e ternura.

AMOR é cuidar e vigiar. É confiar e aceitar sem querer nada em troca.

AMOR é viver a vida do próximo sem limites.

AMOR é amizade acima de tudo. Respeitar e bem querer a história da pessoa.

Seja lá o estilo de vida que você leve, ame. Divida seu amor com alguém.
Não espere ser amado, ame. Pois é preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã. Pois se você parar para pensar, o amanhã não existe.

Obrigado Renato Russo pelas palavras de inspiração.
Obrigado a você que leu.



0 comentários:

Postar um comentário

Comente, mantenha esse blog vivo!