segunda-feira, 29 de dezembro de 2014


Resoluções de 2014


Publicado em / /            Comente esse post

Todo fim de ano, pego minha listinha de metas que fiz no ano anterior e vejo o que consegui realizar, e as que não. Eis aqui minhas metas para 2014:

- Morar sozinho
- Cursar uma Faculdade
- Fazer uma tatuagem
- Trabalhar em uma agência de publicidade
- Postar mais no blog
- Comprar um iPhone 5
- Tirar carteira de habilitação
- Terminar meu curso de inglês
- Chegar ao meu peso ideal
- Fazer uma viagem internacional
- Ler mais livros
- Assistir mais filmes
- Aprender a cozinhar

Quando terminei de ler as metas, fiquei muito feliz pois realizei quase todas. Apesar de não me mudar para outra cidade como havia planejado, consegui um emprego em uma agência de publicidade e digamos que estou muito satisfeito em ter ficado aqui. Fiz uma tatuagem e já estou planejando a segunda! Minha vida na internet ficou um pouco escassa e deixei o Fruto Proibido meio desatualizado, mas por outro lado, literalmente, criei esse blog que tem sido minha hora favorita do dia. Me sinto bem a vontade de dizer o que sinto aqui.

2014 foi um ano de realizações! Depois de muito custo e persistência, consegui tirar minha carteira de habilitação e foi a melhor conquista em toda minha vida. Só quem acompanhou minha saga sabe como foi difícil. Apesar da saudade, finalizei meu curso de inglês e digo que escutar uma música e saber o que ela diz sem precisar de ler a tradução é maravilhoso. Assistir a um filme sem legenda então... nem se compara! Priceless!

Infelizmente não consegui chegar ao meu peso ideal, mas não desisti, pois também não falta muito. Não li tantos livros a mais e muito menos aprendi a cozinhar. Assisti bastante filmes e séries, o que deixou muito inspirado em várias etapas do ano, seja pessoalmente ou profissionalmente. Não fiz nenhuma viagem internacional, mas com uma redução nos gastos e muito economia, comprei um iPhone 5s e digamos que foi o melhor investimento para o momento.

Levei alguns tombos e cai em algumas armadilhas. Fiz novas amizades e infelizmente tive que abrir mão de algumas, que não aceitaram o meu novo caminho. Gastei muito dinheiro e me preocupei apenas com o hoje. Entre essas e outras coisas que não planejei, fizeram desse ano, um dos melhores e com gostinho de maturidade.

Para 2015 prometo que vou cuidar mais da minha saúde e do meu coração.
Vou fazer minha lista de metas e guardá-la aqui, e no fim do ano quero fazer esse balanço novamente.

Muito bom encerrar o ano com a sensação de dever cumprido. O saldo foi positivo.
Se o Papai Noel realmente existisse, com certeza meu presente estaria garantido.

Pedro, o que foi um bom menino em 2014.



0 comentários:

Postar um comentário

Comente, mantenha esse blog vivo!